Últimos Posts

sexta-feira, 2 de junho de 2017

02/06 - Santos Marcelino e Pedro

02 de Junho de 2017

Santos Marcelino e Pedro


“Padres mártires, vítimas das perseguições aos cristãos”

A história desses dois santos de hoje foi escrita pelo papa Dâmaso, que na época dos acontecimentos era um jovem que testemunhou tudo.

Marcelino e Pedro eram padres respeitados entre o clero romano, na época do terrível imperador Diocleciano. Os dois juntos conseguiram converter muitos para o cristianismo, e por serem bem conhecidos acabaram sendo denunciados para o imperador.

Foram levados presos e, no cárcere, conheceram Artêmio, que era diretor da prisão e estava com a filha à beira da morte, devido a uma possessão demoníaca. Marcelino e Pedro tentaram evangelizar Artêmio, e explicar o que estava acontecendo com sua filha, mas não adiantou.

Segundo os relatos, um milagre aconteceu. Um anjo libertou os dois da prisão e os conduziram até a casa de Artêmio, onde oraram e pronunciaram o Evangelho de Jesus Cristo.  A filha ficou curada e, juntamente com Artêmio e esposa, converteram-se ao cristianismo e receberam o batismo.

Os dois padres foram recapturados e mortos por decapitação, no dia 2 de junho de 304, fora da cidade, no bosque, para ficarem escondidos e não chamar a atenção do povo.
Já Artêmio e sua família começaram a pregar em praças públicas e outras conversões aconteceram. Acabaram sendo presos e assassinados também.

Depois de muito tempo seus corpos foram encontrados por uma senhora que deu a eles uma digna sepultura. Mais tarde o imperador Constantino mandou construir uma igreja sobre as sepulturas.


Em 1751, no lugar da igreja foi erguida a belíssima basílica de São Marcelino e São Pedro, para conservar a memória dos dois santos mártires, a qual existe até hoje.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguir por E-mail