Últimos Posts

quarta-feira, 17 de maio de 2017

08/05 - Dia do Pintor

08 de Maio de 2017
Dia do Pintor

clip_image002

Difícil precisar quando surgiu a profissão de pintor, mas a verdade é que desde a ‘Idade da Pedra’ o homem já desenvolvia os princípios do ofício. Dentro das cavernas, eles esboçavam ações de seu cotidiano, nas paredes, com o uso de tintas extraídas de frutos, ovos de aves e até do sangue de animais.

O pintor transforma em poesia o retrato de seu tempo. Exatamente por esse aspecto histórico da pintura, vários estudiosos e historiadores se utilizam de quadros de artista das épocas que são seu objeto de análise. Através deles é possível compreender os conceitos morais, éticos e o dia-a-dia das pessoas retratadas.

A data da comemoração foi escolhida em homenagem ao pintor José Ferraz de Almeida Júnior, lembrando o seu nascimento, em Itú-SP, no dia 8 de maio de 1851.

Almeida Júnior estudou na Academia Imperial de Belas-Artes, onde foi aluno de Júlio Le Chevrel e de Vítor Meireles. Teve, também, formação europeia, na Escola Superior de Belas-Artes de Paris, tendo sido aluno do célebre Cabanel.

Os pintores são os menos festejados entre todos os profissionais do setor artístico. Paradoxalmente, no entanto, são os mais lembrados post-mortem, pelo fato de seus trabalhos ficarem materializados para a posteridade. Contudo, ainda hoje, as homenagens são raras...

Diferente do que ocorre com os de outras áreas, dificilmente a morte de um artista plástico é noticiada nos jornais - sequer no obituário - a não ser quando a família paga. Não noticiam até porque não conhecem os artistas plásticos brasileiros. A profissão, tampouco, é reconhecida no Brasil, o que só acontece na Alemanha, Bélgica e Canadá. É a realidade.
Fonte: Investarte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguir por E-mail